Guayaquil propone nuevos incentivos

Guayaquil propõe novos incentivos para atrair mais companhias aéreas

o Aeroporto Internacional Joséé Joaquín de Olmedo de Guayaquil propone nuevos incentivos para atraer máaerolínega.

La segunda terminal aérea más importante de Ecuador ha tenido también un año 2019 históriaórico para sus operaciones y con nuevos incentivos busca crecer aún-más.

Con la llegada de lo que va del año de JetBlue de Fort Lauderdale, Aeromoéxico (suspender rota temporariamente), Wingo, Mais Ultra, jato inter, de novo JetBlue de Nova York para fin de año como el voltar da Península Ibérica, o terminal volta a crescer e gera grandes expectativas face ao futuro Aeroporto da Daular.

Con estas buenas noticias más otras que se podrían concretar en cualquier momento como es el caso de Viva Air Colombia, el José Joaquín de Olmedo quiere ser aún-más competitivo en el mercado de la región y lograr atraer aún-máaerolínega, por ele, definiu um novo plano de incentivos.

Novos incentivos

A proposta da Autoridade Aeroportuária de Guayaquil, busca generar una extensión a la actual ordenanza aprobada por el Municipio de Guayaquil, para ampliar los beneficios para las aerolínega.

Entre esses benefícios em descontos nos custos de pouso e estacionamento estão:

  • Aerolíneas que operen nuevas rutas internacionales a Guayaquil directa o que también realicen una escala previa en otro aeropuerto ecuatoriano, receberán descuentos del 75%, 50%, 25% y 15% sucessivamente durante o primeiro 4 umañsistema operacionalón.
  • Aerolíneas que ya operen y aumenten frecuencias internacionales recibirán descuentos del 50%, 25% y 15% sucessivamente para o primeiro 3 umaños de este incremento.
  • Aerolíredes de carga (regulares o chárter) para aumentar frequências ou iniciar voos, teráán descuentos del 100%, 75%, 50%, 25% y 15% respectivamente durante os cinco añsistema operacionalón.

Esses benefícios tambéménão podeán ser aplicadas por aerolílinhas que iniciaram operações durante o 2019 retroativamente.

Estádioíestático

No aeroporto de Guayaquil o tráO tráfego de passageiros apresenta um crescimento de 5.30%, passageiros de entrada e saída.

1 foram mobilizados´858.352 passageiros internacionais experimentando crescimento em 5.50% em relação añou anterior que registrou 1´761.413 passageiros; em relação à carga transportadaó 6.089,12 MT:, relativos a voos por este aeroporto, registados 13.265 movimentos.

Quanto ao soléstico, no 2018 1 foram transportados´877.474 passageiros no serviço paraéreo regular; com um crescimento de 4.38% de acordo comño 2017 quem registrou 1´798.679. Os passageiros que ingressaram pelo aeroporto de Guayaquil foram 913.515 enquanto os que partiram foram 963.959 passageiros, para atendimentoéreo regular.

Se realizaram 15.754 voos correspondentes 7.877 desembarques e 7.877 decolagens; esses movimentos que representam 40.53% de voos internacionais realizados em nosso paísís.

Para o Aeroporto Joséé Joaquín Olmedo de Guayaquil as companhias de aviaçãoón no año 2018 eles ofereceram: 1´210.729 assentos dos quais foram usados 963.959 representando o 79.62% de ocupaçãoón do mesmo; sendo o amigoñíà AVIANCA EQUADOR que ofereceuó maior número de assentos com 229.382.

As três cidades com maior fluxo de passageiros pelo aeroporto de Guayaquil são: PANAMÁ com 420.244 passageiros equivalente a 22.38%; BOGOTÁ com 267.958 passageiros correspondentes a 14.27% e MIAMI com 232.521 passageiros que representam o 12.38%, do total geral. Essas três cidades somam 49.04%; enquanto o 13 cidades restantes transportaram o 50.96% do número total de passageiros do serviçoéreo regular.

Neste serviço noño 2018 através do Aeroporto JOSE JOAQUIN OLMEDO na cidade de Guayaquil, eles mobilizaram 26.947,21 toneladas de carga; das quais 10.945,61 Tm corresponde à carga de entrada e 16.028,60 tm na carga de saída. Este aeroporto representa o 12.32% do transporte de cargas movimentadasés serviço regular de país.

Deixe um comentário

seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

2 pensamentos "Guayaquil propõe novos incentivos para atrair mais companhias aéreas”

  1. Nicolas, espero que com esses incentivos vejamos companhias aéreas de baixo custo como a jetsmart que voará para a COLÔMBIA e o Brasil ou para o céu nosso país precisa de mais conectividade e é bom que já esteja acontecendo temos tantas atrações turísticas para o mundo

Role para cima